"Não acrescentemos dias à nossa vida, mas vida aos nossos dias"
Domingo, 18 de Março de 2007
Tu Felicidad, És Mi Felicidad!

 

É curioso...todo o aspecto das relações entre seres humanos fascina-me... Não é que esse contacto é tão importante para nós que, quando nos vemos privados dele, enlouquecemos? Toca-nos tanto que sentimos várias coisas por várias pessoas ou só por uma, mesmo até sentimentos contraditórios... É engraçado como somos todos tão complexos, e por isso mesmo, tão lindos!

Isto serve apenas para introduzir o que eu sinto por ti: uma irmandade tremenda! Uma relação das mais íntimas existentes entre seres com tipos de sangue diferentes, mas muito iguais! Não vou cometer o cliché de dizer que és o irmão que nunca tive, mas mesmo sem querer já o fiz... Porque é verdade! Sinto-te como um irmão, sinto o teu sangue a correr nas minhas veias enquanto o meu é bombeado pelas tuas!

Tu, e só tu, me compreendes, totalmente, qual livro aberto. Mas um livro aberto sou para quase todos, a diferença é que tu sabes ler nas entrelinhas, tal e qual eu faço contigo! Todos te estranham, muitos te temem nessa tua insanidade racional, nessa tua loucura física!

Mas eu não, aliás esses factores, entre outros, são os que mais me aproximam de ti: essa tua busca pelo original eterno, o teu medo pelo vulgar banal! Tanto que me assemelho a ti... Partilho desse teu humor cortante e inteligente, e admiro totalmente essa tua versatilidade magnífica (one-man show!).

E no entanto possuímos diferenças marcantes! Mas mesmo elas nos aproximam, como duas peças de puzzle que se completam uma à outra!

Além disso, a tua companhia enriquece-me constantemente, tanto que aprendo contigo e tanto que ainda tenho para aprender. Espero apenas ser capaz de tornar essa aprendizagem recíproca, algo difícil a atingir.

Isto tudo, para acabar dizendo que, a tua felicidade é a minha (tal como diz o título em espanhol mal escrito). Porque é! Porque é mesmo isso que sinto, e não digo tais palavras de forma leviana, apenas com a intenção de te bajular. Nada disso, muito pelo contrário! E tu sabes disso, pois sei que tal sentimento (e esse sim, com certeza) é recíproco!

 

Sê feliz meu amigo, meu companheiro, meu mestre, meu aluno...meu irmão =)

 

PS: Agora só para te fazer corar mais um pouco: "James and Prima sitting on a tree, K I S S I N G" =P


sinto-me: Eu, de novo!

publicado por Sr. Dr. Ricky às 20:32
link do post | comentar | ver comentários (3) | favorito

Segunda-feira, 12 de Março de 2007
Violações

 

Não se assustem, leitores assíduos deste meu cantinho, eu não sou nenhum tarado sexual que molesta mulheres indefesas! Apenas sou um homem que afoga sentimentos na sua fiel viola, cedida pela sua mãe.

Não toco, não posso dizer que o faço, mas "brinco" nela, dedilhando uma e outra corda enquanto prendo um ou outro espaço de modo a inventar uma melodia pessoal.

Não mostro aos demais, não sou convencido o suficiente para isso...ou melhor, mostro, mas aos mais íntimos. Mostro melodias que são jeitosas como bandas sonoras de conversas de café, ou de desabafos desesperados de enamorados perdidos no seu sentimento.

É assim que passo as minhas tardes, envolto em no meu violar, no meu personalizado violar, porque ela me entende, ela não me acusa nem me julga e muito menos se queixa ou me consome o juízo. Ela é uma amante fiel, uma amiga íntima, uma pessoa, autêntica, que existe apenas para me ouvir...enquanto eu a oiço a ela. Os sons que ela emite não são mais do que suspiros meus, musicados.



publicado por Sr. Dr. Ricky às 21:04
link do post | comentar | ver comentários (4) | favorito

Quinta-feira, 1 de Março de 2007
De Volta...Não Sei Por Quanto Tempo...

Outro título para este post seria "Paz"..."Tranquilidade", qualquer coisa que demonstrasse este sentimento arrebatador que é o sentimento de paz interior...

Só consigo dizer que me sinto bem, sinto-me numa onda positiva...isso até se reflecte na música: o hard rock e heavy metal no meu mp3 foram substituídos pelo reggae e pelo ska. Músicas com uma óptima onda, que transmitem mensagens tão simples quanto "Don't Worry...Be Happy!"

E é assim que vos deixo, leitores sedentos deste blog. Voltei a publicar aqui por capricho deste meu estado de espírito...Ele pediu-me e eu, já que estou com uma paciência acrescida (para o que realmente interessa na vida), atendi ao seu pedido.

 

Tenham calma e vivam a vida!


sinto-me: "Tá-se Bem"

publicado por Sr. Dr. Ricky às 18:59
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito

Pouco ou nada sobre mim
pesquisar
 
Outubro 2007
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
13

14
15
16
17
18
19
20

21
22
23
24
25
26
27

28
29
30
31


alucinações recentes

Poema Da Treta

Foi Mais

Um Mais Um

De Volta O Ninho

Justificação de Faltas

Devaneios da Minha Imagin...

Confusão

Receita: "Auani"

Visão (fictício)

Velejando

alucinações antigas

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Janeiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

Outubro 2005

Blogs Obrigatórios
Fazer olhinhos
blogs SAPO
subscrever feeds